GARRA DO DIABO (ARPAGOFITO) - Fitoterapia

Anonim

fitoterapia

fitoterapia

Fitoterapia: plantas de A a Z

Leia as descrições das plantas ALOE ALTEA ABACAXI ANGELICA anis chinês VERDE DO DIABO CLAW (Harpagophytum) bardana Biancospino BOSWELLIA MARIGOLD camomilla Carciofo cardo de leite CASCARA CENTELLA cimicifuga TURMERIC EQUINÁCEA ELEUTHEROCOCCUS Elicriso ENOTERA ESCHOLTZIA EUCALIPTO EUGENIA CARYOPHILLATA (CLOVE) FICO Fennel Frangula FUCO (ALGA BRUNA MARINA) GARCINIA GENZIANA GIMNEMA GINkgO GINSENG GLUCOMANNAN GRINDELIA GUARANÀ HIPERICINA CAVALO CASTANHO LIQUORICE MALVA MANNA MELALEUCA (ÓLEO DE ÁRVORE DE CHÁ) MELISSA BLUEBERRY BLUEBERRY BLUEBERRY AMERICAN RED CRYCNAUS TUSCANA PRINCIPAL
  • Leia as folhas de dados da planta
  • ALOE
  • ALTEA
  • ABACAXI
  • ANGELICA CHINESA
  • ANIS VERDE
  • GARRA DO DIABO (ARPAGOFITO)
    • Planta e uso tradicional
    • eficácia
    • Uso seguro
    • Dicas e recomendações
  • bardana
  • HAWTHORN
  • BOSWELLIA
  • MARIGOLD
  • camomilla
  • ARTICHOKE
  • CARDO MARIANO
  • CASCARA
  • CENTELLA
  • Cimicifuga
  • TURMERIC
  • EQUINÁCEA
  • ELEUTHEROCOCCUS
  • Elicriso
  • Prímula
  • ESCHOLTZIA
  • EUCALIPTO
  • EUGENIA CARYOPHILLATA (PREGOS DE CRAVO)
  • FICO
  • FENNEL
  • espinheiro
  • FUCO (ALGA BRUNA MARINA)
  • GARCINIA
  • GENZIANA
  • Gymnema
  • ginkgo
  • GINSENG
  • GLUCOMANNANO
  • grindelia
  • GUARANA
  • IPERICO
  • CASTANHA
  • Liquirizia
  • MALLOW
  • MANÁ
  • MELALEUCA (ÓLEO DE ÁRVORE DE CHÁ)
  • MELISSA
  • BLACK BLUEBERRY
  • AMERICANA VERMELHA (AMENDOIM)
  • PAIXÃO
  • PROPOLI
  • psyllium
  • RIBES
  • SALGUEIRO
  • SENNA
  • serenoa
  • SOJA
  • tanásia
  • CHÁ VERDE
  • LIME
  • TIMO
  • Uncaria
  • URSINA UVAS
  • VALERIANA
  • GINGER

GARRA DO DIABO (ARPAGOFITO)

Voltar ao menu


Planta e uso tradicional

A planta pertence à família Pedaliacee; tradicionalmente, as raízes secas são usadas para fins de cura, que são usadas para tratar osteoartrite, artrite, gota, dor muscular, tendinite, lombalgia, dor de cabeça, mas também doenças circulatórias e inúmeras outras doenças.

Voltar ao menu


eficácia

Em estudos humanos específicos, o extrato de garra do diabo parece eficaz no alívio da dor nas costas e da dor que acompanha a osteoartrite do joelho e do quadril, resultando em menor consumo de medicamentos anti-inflamatórios. Outros usos tradicionais da planta para fins de cura não foram confirmados cientificamente.

Voltar ao menu


Uso seguro

O harpagófito é mencionado nas monografias ESCOP. Bem tolerado, mesmo para terapias duradouras, pode causar efeitos colaterais como diarréia, dor abdominal, náusea, reações alérgicas na pele; nenhuma interação com drogas e outras plantas medicinais é conhecida.

Voltar ao menu


Dicas e recomendações

Se for de boa qualidade, um produto contendo extrato de garra do diabo seco pode ser usado para aliviar a dor na osteoartrite do joelho e quadril e para dores nas costas. O uso na gravidez, amamentação e em crianças não é recomendado.

Voltar ao menu